Compositor juazeirense está inscrito para concorrer ao Grammy Latino

O compositor Maurício Dias Cordeiro, autêntico representante das “margens Bossanovistas do Rio São Francisco,” está inscrito através da “Tratore”, maior distribuidora de música do Brasil, para concorrer a uma indicação ao Grammy Latino 2024 na categoria Melhor Álbum de Música Brasileira, com o EP “Por Brigitte e por Bardot”, lançado nas plataformas digitais – https://youtu.be/w5L_Nqfccy4?si=revacCObWc8DF7ie . Ele também concorre na categoria Artista Revelação.

Maurício tem uma longa estrada e história na música. Começou nos festivais em Juazeiro, onde ganhou o Troféu João Gilberto com o Grupo Êxodus, pelo qual acompanhou Caetano Veloso em 1973 em um festival. Depois pisou em muitos palcos de Salvador como os dos Teatros Vila Velha e Gregório de Mattos, e em muitas casas noturnas da região do “Porto da Barra”, onde era muito festejado. Depois foi para São Paulo e Rio de Janeiro onde gravou discos, tocou em bares musicais e participou de shows gigantes no Ibirapuera e Maracanãzinho, que reuniam estrelas como Caetano Veloso, Gilberto Gil, Moraes Moreira, A Cor do Som, Luiz Melodia e Pepeu Gomes.  Parceiro do poeta Luiz Galvão dos Novos Baianos, ele também foi amigo e esteve muitas vezes com João Gilberto. Musicou dois poemas do criador da Bossa Nova. Maurício tem trabalhos publicados no Spotify , YouTube, Apple, Amazon, Deezer e Globo Play

Sobre o EP – Por “Brigite e por Bardot” é o mais novo trabalho de Maurício Dias Cordeiro, o Mauriçola, velho eterno guerreiro das margens bossanovistas do Rio São Francisco, Juazeiro, conterrâneo, parceiro e amigo de João Gilberto, de Luiz Galvão dos “Novos Baianos”. A música “Por Brigitte e por Bardot” é tropicália na veia. “Foi um samba dos “novos baianos” que abriu minha cabeça, me ensinou a pisar com os tamancos da tropicália nas pedras rolantes mutantes do Raul Seixas rock n’roll… aquele Sol não quis se por – quase morri de amor – por Brigitte e por Bardot”, conta Maurício.

Ascom

Quem é Marcus D’Almeida, do Tiro com Arco, eleito o Atleta do Ano em 2023 no Prêmio Brasil Olímpico

Poucos esportes olímpicos conseguem fazer parte da rotina do Brasil, que tem uma prevalência maior do futebol, e alguns conseguem ficar mais afastados do grande público como o caso do Tiro com Arco. Entrentanto, se depender de Marcus Vinícius D’almeida, de 25 anos, o esporte pode se popularizar no país.

Ainda muito novo e com um esporte pouco conhecido, Marcus D’Almeida foi eleito o Atleta do Ano (Troféu Rei Pelé) em 2023 pelo Prêmio Brasil Olímpico organizado pelo COB e que foi realizado na última sexta-feira (15). O “Disparada” teve em 2023 um ano para ficar marcado na sua carreira. Ele conquistou a Copa do Mundo de Tiro com Arco e com esse resultado terminou a temporada como o líder do ranking mundial. Ele também conquistou duas medalhas no Jogos Pan-americanos disputados em Santiago, no Chile.

Com os feitos, Marcus vai para a sua terceira Olímpiada na carreira em Paris-2024. Ele esteve presente nos Jogos do Rio-2016 e Tóquio-2020, mas terá na Europa mais chances de obter medalhas. Sem tempo para descansar pensando em Paris, Marcus brincou que a conquista do Troféu Rei Pelé que vai ser comemorada com treinos.

“Comemorar treinando, tem que pensar em Paris não tem nada ganho. Mas vou comemorar com minha  família, que me apoiou. Levar para o Centro de Treinamento, mostrar para a garotada que está começando. Sonhar é primeiro passo e eu quero que todo mundo que comece no Tiro com Arco sonhe com esse troféu [Atleta do Ano]. É muito importante.

A Folha de Pernambuco acompanhou o Prêmio Brasil Olímpico de 2023 realizado no Rio de Janeiro a convite do Cômite Olímpico Brasileiro (COB).

Folha PE

Juazeiro: Estudantes da rede municipal são premiados na 2ª Mostra Petrolinense de Foguetes

Estudantes da Escola Municipal de Tempo Integral Paulo VI, em Juazeiro, foram premiados com o primeiro e o segundo lugar da categoria Ensino Fundamental na 2ª Mostra Petrolinense de Foguetes, promovida pelo Instituto Federal do Sertão Pernambucano (IFSertãoPE). O evento aconteceu nesta sexta-feira (20) e reuniu estudantes de diversas escolas do Vale do São Francisco no campus do IFSertãoPE em Petrolina.

Na mostra, cada equipe finalista teve direito a dois lançamentos de foguete. Os que alcançaram a maior distância foram os vencedores. “Nós contamos com duas equipes participando da final e, assim como no primeiro ano da mostra, garantimos o primeiro e o segundo lugar. Ficamos muito felizes porque só tínhamos duas equipes representando a escola e as duas conseguiram um bom resultado”, contou a professora de Robótica do Paulo VI, Alana Gama, responsável pelo acompanhamento dos estudantes.

Foguetes

Os foguetes totalmente construídos pelos estudantes, apenas com algumas orientações da professora, são confeccionados utilizando duas ou mais garrafas PET e funcionam com água e ar comprimido. Na competição, os foguetes ficam sobre uma base de lançamento, também construída pelos alunos em pvc. Para impulsionar o foguete, os alunos usam uma bomba de encher pneus de bicicleta.

De acordo com a professora Alana Gama, no processo de confecção do foguete e com a participação na mostra, os estudantes desenvolvem uma série de habilidades. “Do ponto de vista pedagógico, esse processo é muito enriquecedor para os estudantes. Eles aprendem matemática, química, física, astronomia e cultura maker, além de desenvolverem habilidades socioemocionais”, frisou a professora.

Os estudantes premiados foram Luan Garcia, Márcio Galdino e Ryan Damásio, alunos do 7° ano do Ensino Fundamental, e Igor Costa, Josué Ribeiro e Tiago Mendes, alunos do 9° ano.

Ascom/Seduc

Escolas de Petrolina são destaque no programa Criança Alfabetizada e recebem R$ 80 mil de premiação

A prefeitura de Petrolina, através da Secretaria de Educação, Cultura e Esportes, tem trabalhado amplamente, por meio de estratégias diversas, para fortalecer e aumentar os índices de alfabetização do município. Este esforço tem se materializado mediante aos grandes resultados obtidos e que indicam que a rede está no caminho correto. Uma conquista que comprova que as ações e investimentos realizados pela atual gestão têm dado bons frutos, é que as Escolas Municipais Félix Manoel dos Santos, localizada na Tapera, e a de Tempo Integral, José Fernandes Coelho, no Roçado, foram as duas unidades de ensino do município que ficaram em evidência no Prêmio Escola Destaque, promovido pelo Programa Criança Alfabetizada.

As unidades receberam o valor de R$80 mil como premiação para impulsionar, ainda mais, o desempenho na execução do trabalho de alfabetização. Esta conquista se deve pelo município ter alcançado, em 2022, ótimos resultados na avaliação de alfabetização do Sistema de Avaliação Educacional de Pernambuco (Saepe). Os profissionais envolvidos no processo de alfabetização também foram reconhecidos através da entrega menções honrosas. A professora Daniely Vidal, do Centro Municipal de Educação Infantil Tia Dulcineia, foi uma das agraciadas.

Petrolina tem mais de 10 mil estudantes matriculados do 1º ao 2º ano do Ensino Fundamental, etapa recomendada pelo Plano Nacional de Educação para que o ciclo de alfabetização seja concluído. Este é um período indispensável para a progressão escolar e construção de outros saberes que só são possíveis após esta etapa. A Secretaria vem fornecendo a professores, coordenadores pedagógicos e gestores escolares todas as ferramentas necessárias para que possam desenvolver um trabalho de excelência no processo de alfabetização.

“Temos a convicção de que a Educação de Petrolina tem avançado bastante através de várias ações implantadas pelo prefeito Simão Durando. São vários projetos que estimulam as habilidades de pensamento, de raciocínio, memória, linguagem, capacidade, resolução de problemas e de criatividade. Soma-se a isso, o grande comprometimento dos educadores que têm contribuído diariamente para garantir ainda mais qualidade no processo educacional, além da formação continuada a eles oferecidas pela Educação. Buscamos sempre traçar um caminho constante de mapeamento da aprendizagem, vinculado ao desenvolvimento de cada um dos alunos, através de avaliações e com foco central na leitura”, destacou a secretária de Educação, Cultura e Esportes, Rosane da Costa.

Elaine Barbosa/Ascom Secretaria de Educação, Cultura e Esportes

Curta-metragem produzido em Petrolina é premiado na 14ª edição do Festival de Cinema de Triunfo

O curta-metragem “Mãe”, gravado em Petrolina (PE), no início do ano, foi um dos vencedores da 14ª edição do Festival de Cinema de Triunfo (PE), neste final de semana. O filme, dirigido por Natália Tavares, foi premiado como melhor curta-metragem pernambucano, pelo Júri da Associação Brasileira de Documentaristas e Curtametragistas de Pernambuco/Associação Pernambucana de Cineastas (ABD/Apeci), e escolhido pelo Júri Oficial do Festival na categoria ‘melhor ator – curtas, médias e experimental’ pela atuação de Guilherme Alves, como o garoto Luís, protagonista da história.

Guilherme é petrolinense e em “Mãe”, aos 11 anos, teve o seu primeiro papel como protagonista no cinema. “Fiquei particularmente feliz por Guilherme receber um prêmio num festival tão importante do circuito brasileiro. Acho que é um incentivo sem tamanho quando se é tão jovem. Espero que ele possa realizar seus sonhos e seguir nessa carreira se assim desejar, mesmo tendo nascido e crescido numa cidade do interior. Por isso é tão importante investir em políticas culturais, são elas que permitem que filmes como ‘Mãe’ sejam realizados e talentos como o de Guilherme sejam descobertos”, pontua a diretora Natália Tavares, lembrando que o filme recebeu incentivo do edital Funcultura audiovisual 2020/2021.

O Festival de Triunfo marcou a primeira exibição de “Mãe” em tela grande, a estreia do filme em festivais e rendeu os primeiros prêmios do curta. “Ver meu filme pela primeira vez no cinema, em tela grande, foi uma experiência sem igual. É quando exibimos um filme para uma audiência que a magia do cinema acontece e vê-lo sendo bem recebido pelo público foi muito especial. A curadoria e programação do festival estavam fantásticas. Vi muitos filmes bons e foi uma honra estar em uma seleção com obras tão incríveis”, avaliou Natália.

“Mãe”

Em 22 minutos, o curta-metragem conta a história de Luís (Guilherme Alves), um garoto de 11 anos que vive em um povoado de beira de estrada, no sertão pernambucano, apenas com sua mãe, Selma (Zuleika Bezerra), depois de ser abandonado pelo pai quando ainda era um bebê. Após ter sonhos estranhos e notar uma movimentação suspeita no quintal de sua casa, Luís começa a desconfiar que sua própria mãe esteja envolvida no desaparecimento dos homens do povoado. O filme explora o limite do sobrenatural, onde o abandono e o isolamento fazem os personagens tomarem decisões irreversíveis.

O filme foi rodado em janeiro de 2023, na comunidade do Capim e na Vila 12, em Petrolina. Além de Guilherme Alves e Zuleika Bezerra, a equipe de produção é composta por mais de 90% de profissionais de Petrolina e Juazeiro, como o artista plástico Antônio Carlos Coêlho de Assis, o “Coelhão”, que dá vida à Seu Ciço.

Ficha Técnica:

“Mãe” foi fomentado pelo 15° EDITAL DO FUNCULTURA 2020/2021 e produzido pela Cuy Filmes. / Dirigido por: Natália Tavares / Produzido por: Natália Tavares e Julian Nebreda-Bello / Escrito por: Natália Tavares e Cleiton Costa / Com Guilherme Alves, Zuleika Bezerra e A.C. Coêlho de Assis “Coelhão” / Direção de Fotografia: Rafael de Almeida / Direção de Arte e Figurino: Letícia Rodrigues / Produção e Preparação de Elenco:  Antonio Veronaldo / Trilha Sonora Original: Sebastián Díaz / Montagem: Raphaela Spencer / Direção de Produção: Cristiane Crispim / Maquiagem: Karina Matos e Pryscilla Caprytte- Movimento Mais que Make / Assistente de Direção: Cleiton Costa / Som Direto: Alex Guterres / Coordenação de Produção: Severo Filho / Assistente de Arte e Figurino: Jhennyson Santiago /Making Of, Still e Assit. de Câmera: Fernando Pereira / Assist. Câmera: Leandro Cunha / Design Gráfico: Daniel Tagliari

Eneida Trindade

Professores podem concorrer ao Prêmio Lucilo Ávila Pessoa

O prazo para inscrição no Prêmio Lucilo Ávila Pessoa de Educação foi prorrogado. Professores interessados em concorrer têm agora até esta segunda-feira (28) para submeter seus trabalhos pelo site https://tecnologianaeducacao.com.br. Podem se inscrever docentes do Estado que atuem na educação básica, profissional, técnica e superior, incluindo Bacharelados, Licenciaturas e Tecnológicos.

O Prêmio Lucilo Ávila Pessoa de Educação é uma iniciativa da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de Pernambuco (Fecomércio-PE) e integra as atividades do XIX Congresso Internacional de Tecnologia na Educação (CITE), que acontecerá de 20 a 22 de setembro nos espaços do Senac Pernambuco, nas cidades de Recife, Caruaru e Petrolina.

Para se inscrever no prêmio, que chega à oitava edição, o professor precisa estar no exercício da atividade docente e ter participado do desenvolvimento de experiências pedagógicas bem-sucedidas, planejadas e executadas em escolas privadas e das esferas da administração municipal, estadual ou federal. Será necessário preencher um formulário disponível no site do XIX CITE, anexar relato de experiência com detalhes da atividade realizada, cópia de identidade, CPF e comprovante de inscrição no congresso.

A avaliação será realizada por uma comissão julgadora formada por representantes do Sesc, Senac, Faculdade Senac, Instituto Fecomércio, Sebrae e Secretaria de Educação do Estado. Serão avaliadas a clareza no relato de experiência, a relevância para a educação em Pernambuco, a inovação e criatividade na prática educacional. O resultado do trabalho vencedor será anunciado no dia 5 de setembro no site do XIX CITE. A experiência vencedora será premiada com uma Bolsa da Pós-Graduação Lato Sensu da Faculdade Senac Pernambuco, de acordo com as regras contidas no edital da premiação.

Desde a sua criação, o prêmio tem buscado valorizar os professores em seu papel de agentes formadores e parte integrante do desenvolvimento social e humano, bem como difundir e dar visibilidade às experiências pedagógicas construídas e implantadas pelos docentes, tornando-as passíveis de serem adotadas por outros profissionais e pelos sistemas de ensino.

Congresso

O Prêmio Lucilo Ávila será entregue presencialmente no dia 19 de setembro, integrando a programação do XIX Congresso Internacional de Tecnologia na Educação, que acontece nos dias 20, 21 e 22 de setembro, em formato presencial e virtual, nas cidades de Recife, Caruaru e Petrolina. A programação conta com 51 palestras, sete oficinas e cinco prosas/mesa redonda com nomes importantes do cenário brasileiro e internacional, além de apresentações culturais, shows, tour pedagógico, Ideathon (maratona de inovação), Salão de Empreendedorismo e o Espaço do Conhecimento.

Diário de Pernambuco

Região Norte terá representante no Prêmio Sebrae Mulher de Negócios 2023

As inscrições para o prêmio Sebrae são gratuitas e podem ser feitas pela internet até o dia 31 de julho. Os participantes concorrem nas categorias MEI, Pequenos Negócios e Produtora Rural.

A produtora rural Kalinka Antônia Macedo da Silva, natural do município de Santa Luz, já se inscreveu e será uma das representantes da região Norte da Bahia no Prêmio Sebrae Mulher de Negócios, edição 2023.  Formada em Odontologia e Administração de Empresas, com MBA em gestão empresarial na Fundação Getúlio Vargas (FGV), Kalinka tornou-se proprietária da Fazenda Quinta do Morro Branco em 2013 e, desde 2021, é produtora de uva no Vale do São Francisco.

Para ela, o prêmio Mulher de Negócios do Sebrae “é muito importante para dar visibilidade ao trabalho da mulher, mostrando a sua competência. Uma oportunidade que a mulher tem para mostrar o seu jeito único de trabalhar com habilidade, sensibilidade, responsabilidade, organização e cuidados que só ela possui”, destacou. Kalinka também ressaltou a importância da cidade de Juazeiro no cenário do agronegócio nacional. “É a potencialidade da região em proporcionar terreno fértil para a atividade rural”, concluiu.

O prêmio, de iniciativa do Sebrae, surgiu em 2004 com o propósito de estimular o empreendedorismo feminino, valorizando histórias de empresas lideradas por mulheres que servem de inspiração.

Carlos Humberto-Ascom

 

Escolas de Petrolina são premiadas com obras de grafite sobre alimentação saudável

As Escolas Municipais Eliete Araújo de Souza, localizada no bairro Vila Mocó e Nossa Senhora Aparecida, em Caititu, foram as vencedoras do projeto Arte nos Muros – uma iniciativa cultural que promove a realização de obras de grafite em muros de escolas públicas, inspirada no estudo da alimentação saudável. Criatividade e originalidade não faltaram aos estudantes e docentes das unidades educacionais, que tiveram suas ilustrações escolhidas por meio de votação popular e por uma comissão julgadora. Eles serão contemplados com o Dia do Grafite, uma intervenção artística coletiva feita pelos alunos das escolas vencedoras e monitoria de artista visual profissional.

O projeto é realizado em três etapas. Na primeira delas, foi realizado um encontro com os professores para apresentação da história da arte do grafite e das atividades sobre os temas que inspiraram as obras dos alunos. Na segunda etapa, os professores aplicaram o conteúdo e os alunos produziram as ilustrações temáticas. Em seguida, as ilustrações foram submetidas ao voto popular e ao voto da comissão julgadora, quando os desenhos foram escolhidos. A terceira etapa acontece este mês, com o Dia do Grafite, acompanhado de um workshop e uma ação de grafitagem nos muros das escolas. Para finalizar a ação, as ilustrações e as obras grafitadas nos muros serão apresentadas ao público em uma exposição, prevista para o mês de novembro.

O projeto Arte nos Muros tem a parceria da prefeitura de Petrolina, por meio da Secretaria de Educação, Cultura e Esportes, patrocínio da Bayer e realização da Flamingo Comunicação, a partir da Lei Federal de Incentivo à Cultura. De acordo com a diretora de programas e projetos da Secretaria de Educação, Silvana Araújo, 14 Escolas Municipais participaram da ação, que envolveu alunos do 6º ao 9º ano do Ensino Fundamental.

“É um projeto muito importante para a comunidade escolar, pois incentivou uma grande reflexão sobre a importância da alimentação saudável utilizando a linguagem artística do grafite que gera interesse e engajamento dos jovens. Uma alimentação saudável inclui não somente frutas, verduras, legumes e grãos integrais. Ela vai muito além da preocupação com o seu valor nutricional e envolvem também valores sociais, afetivos e sensoriais, desde a escolha dos alimentos, suas preparações, as características do modo de comer e do ambiente onde são consumidos. E isso já é trabalhado periodicamente na rede municipal de ensino, por orientação do prefeito Simão Durando”, explicou Silvana.

Elaine Barbosa/Ascom Secretaria de Educação, Cultura e Esportes

Queijos de leite de cabra do Norte da Bahia são premiados em concurso nacional realizado em Santa Catarina

Queijos de leite de cabra do empreendimento Capribéee participaram, no último dia 07 de julho, da 6ª edição do prêmio Queijaria Brasil, que aconteceu no Parque Vila Germânica, em Blumenau, Santa Catarina. O empreendimento, atendido pelo Centro Público de Economia Solidária Sertão do São Francisco (Cesol-SSF), trouxe para a Bahia uma das três medalhas de ouro que o estado recebeu durante o concurso, além de duas de prata e uma de bronze.

O concurso contou com 1.045 inscrições de queijos de 18 estados brasileiros. O evento teve como propósito reconhecer e valorizar os produtores, além de estimular e promover a melhoria da qualidade dos queijos. A programação foi dividida em quatro etapas: premiação, feira, palestras e desafio o queijista.

É a primeira vez que o empreendimento participa do concurso nacional, conquistando quatro medalhas com os seguintes queijos de leite de cabra: Queijo Boursin (medalha de ouro); Queijo capela tradicional e Queijo Chevrotin (medalha de prata); queijo tipo Buchette, com carvão vegetal (medalha de bronze).

A agente de vendas do empreendimento e produtora rural, Eugenia Felix, representou a Capribéee durante a 6ª edição do Prêmio Queijaria Brasil. Emocionada, a produtora destacou a importância da premiação para o grupo.

“Esse prêmio representa a evolução da Capribéee. É uma emoção muito grande, nós aqui do semiárido, concorrendo e vencendo um concurso, competindo com grandes produtores de queijo de todo o Brasil. Esse prêmio veio para contribuir e reforçar os avanços do nosso trabalho, que aos poucos tem sido percebido com o aumento das vendas e divulgação dos nossos produtos”, enfatizou Eugênia Felix.

Histótico

Na zona rural de Curaçá e Jaguarari, nos distritos de Poço de Fora e Pilar, o empreendimento Capribéee tem promovido o empreendedorismo local com a produção de queijos finos de leite de cabra. Ele é resultado do trabalho conjunto da Cooperativa Poçoforense Sabor do Sertão (Coopof) e da Cooperativa da Agricultura Familiar Mãos do Campo. Ambas as cooperativas recebem assistência técnica da equipe do Cesol-SSF, na qualificação dos produtos para comercialização e abertura de novos mercados em todo o estado da Bahia.

O trabalho cooperativo desenvolvido pelos dois espaços é realizado por produtores e produtoras de Poço de Fora e Curaçá. Tudo começou através da organização em associação dos produtores de leite dos dois municípios baianos.

Em Curaçá, localizado no Norte da Bahia, os agricultores familiares se reuniam na sede da Associação de Produtores de Poço de Fora (Apoc) para a produção de licores, doce de leite e queijos de leite de cabra. A agricultora Eugênia Ribeiro integra o grupo de produção desde a fundação da Apoc. Ela explica que a produção era feita de maneira artesanal, os agricultores se organizavam em suas propriedades e faziam a entrega na associação.

No Distrito de Pilar, a 45 km de Poço de Fora, em Curaçá, produtoras e produtores também atuavam no trabalho artesanal de queijos de leite de cabra, e as atividades aconteciam na sede da associação APA3, com início em meados de 2018.

Após avaliar a necessidade de comercializar os produtos, os dois empreendimentos iniciaram o processo de regulamentação para se transformarem em cooperativas, a fim de facilitar a comercialização dos produtos desenvolvidos. Com o aumento dos cooperados nos dois espaços, a produção de leite passou a ser organizada de forma semanal, e a ordenha acontece atualmente de maneira mecânica, e o leite é conduzido entre três e quatro dias para os espaços das cooperativas.

Através do apoio da Ero Brasil, as duas cooperativas receberam laticínios localizados nas comunidades do interior de Curaçá e Pilar, com toda a estrutura e maquinário para a produção de queijos de leite de cabra, iogurtes, além do novo produto, ainda em fase de desenvolvimento, o composto lácteo de leite de cabra. Atualmente, a Cooperativa Poçoforense Sabor do Sertão (Coopof) conta com 19 cooperados, e a Cooperativa da Agricultura Familiar Mãos do Campo conta com 23 cooperados.

Comercialização

Os queijos da Capribéee podem ser encontrados em Juazeiro, na loja de Economia Solidária Empório Meu Sertão, localizada na Rua Canafístula, nº 148, bairro Centenário.

Ascom

Evento Melhores do Esporte, a “noite do Oscar baiano”, acontecerá nesta segunda-feira, 24

Reunir e premiar, no mesmo ambiente, os melhores e os destaques da Bahia no calendário esportivo de 2022 nas mais diferentes modalidades esportivas. É com este propósito que a Superintendência dos Desportos do Estado da Bahia (Sudesb), autarquia da Secretaria do Trabalho, Emprego e Esporte, promove, na noite desta segunda-feira, 24, a cerimônia Melhores do Esporte, a partir das 18h, no auditório do da Universidade do Estado da Bahia (Uneb), campus Cabula.

Em sua décima edição, o Melhores do Esporte irá premiar, ainda, equipe de arbitragem, técnicos e profissionais da imprensa esportiva local. Também estão na lista, instituições comunitárias e atletas estudantis que conquistaram medalhas na etapa nacional dos Jogos Escolares, da Juventude, Paralímpicos, treinadores e árbitros.

Parte dos homenageados – categoria “melhores” – é indicada pelos dirigentes das federações estaduais que acompanharam, de perto, as performances dos seus atletas ao longo das mais variadas competições locais, nacionais e internacionais.

Já a indicação dos nomes da categoria “destaque”, ponto alto da festa, é feita pela Sudesb, em reconhecimento ao talento e desempenho de cada atleta, árbitro e trabalho de instituições,  profissionais de imprensa e gestores esportivos.

“Os Melhores do Esporte’ é uma forma de homenagearmos aqueles que fazem o esporte acontecer no estado, bem como uma maneira de incentivá-los a continuar lutando por mais e mais conquistas para a Bahia “, disse o diretor-geral da Sudesb, Vicente Neto.

Ascom Sudesb

Prêmio Sebrae de Jornalismo está com inscrições abertas

Estão abertas as inscrições para o 10º Prêmio Sebrae de Jornalismo (PSJ). Com tema central “A importância dos pequenos negócios para o desenvolvimento econômico e social do país”, a premiação contempla quatro categorias principais na edição estadual (Áudio, Texto, Vídeo e Foto). Na etapa nacional, este ano, as matérias poderão concorrer ainda ao prêmio especial, caso abordem a temática do empreendedorismo social. As inscrições podem ser feitas de forma rápida e fácil pelo site www.premiosebraejornalismo.com.br.

O jornalista responsável pela Agência Sebrae de Notícias (ASN) Bahia, Pedro Soledade, evidencia o potencial inspirador e transformador das reportagens inscritas no PSJ. “Mais que uma premiação, o Sebrae há 10 edições valoriza, reconhece e fortalece o jornalismo parceiro do empreendedorismo e dos pequenos negócios, trazendo pautas que impactam positivamente neste universo que responde por cerca de 98% do tecido empresarial do país e da Bahia”, afirmou.

O PSJ se tornou referência no fomento ao jornalismo sobre empreendedorismo no Brasil. Na 9ª edição, realizada em 2022, o prêmio recebeu mais de 1,1 mil inscrições de todo o Brasil e premiou 86 trabalhos já na primeira etapa, que ocorreu em 21 estados, além de prestigiar os vencedores nacionais. A Bahia foi o estado do Norte/Nordeste com o maior número de trabalhos inscritos, totalizando 62 nas quatro categorias. Veja aqui  os veículos e jornalistas que foram reconhecidos pela premiação na etapa estadual, em 2022.

Podem concorrer matérias veiculadas de 1º de julho de 2022 a 4 de junho de 2023, assim como podcasts e vídeos veiculados em plataformas digitais nesse mesmo período. O prazo para se inscrever vai até 5 de junho. Confira informações detalhadas abaixo.

• Quatro categorias na Etapa Bahia: Jornalismo em Texto, Jornalismo em Áudio, Jornalismo em Vídeo e Fotojornalismo.

• Há premiações especiais na Edição Nacional: Empreendedorismo Social e Grande Prêmio Sebrae de Jornalismo (concorrem os vencedores de cada categoria).

• Inscrições até 5 de junho de 2023.

• Período de veiculação dos conteúdos que podem concorrer: 1º de julho de 2022 a 4 de junho de 2023.

• Temas sugeridos: empreendedorismo, produtividade e competitividade, inovação e startups, inclusão produtiva e sustentabilidade, transformação digital, políticas públicas e legislação, acesso a crédito, e empreendedorismo social.

• Inscreva-se: www.premiosebraejornalismo.com.br

Premiação especial 

Os conteúdos sobre empreendedorismo social devem abordar o tema retratando negócios que buscam solucionar ou minimizar problemas sociais ou locais por meio de produtos e serviços. Mostrar histórias inspiradoras, os desafios desse tipo de empreendedorismo, bem como seus impactos, também é uma forma de tratar do tema.

Ascom

Após vencer o Flamengo, Fluminense não receberá prêmio em dinheiro pelo Campeonato Carioca

O Fluminense venceu o Flamengo no último domingo por 4 a 1, no jogo de volta da final do Campeonato Carioca. O time comandado por Fernando Diniz garantiu o título estadual após perder por 2 a 0 no primeiro jogo da final. Apesar de ter conquistado o Campeonato Carioca, o tricolor não irá receber a premiação em dinheiro pelo título estadual.

De acordo com a Federação de Futebol do Rio, ficou acordado entre a Brax, agência que negociou os direitos de transmissão do campeonato, e os clubes que seriam pagas à cada equipe apenas as cotas de TV.

A ideia discutida em um conselho entre os clubes no ano passado seria de que a premiação fosse de R$ 8 milhões para o primeiro lugar e R$ 1 milhão para o segundo, porém a proposta não seguiu em frente.

Segundo o regulamento do Campeonato Carioca, o primeiro lugar receberia 70% e o vice ,30%, de um valor total não especificado no documento.

Veja a nota da Ferj:

“A Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro informa que, durante as negociações da agência Brax Sports Assets e os clubes signatários do contrato para a gestão dos direitos de transmissão do Campeonato Carioca de 2023, ficou estabelecido que cada equipe receberia integralmente sua cota de TV, sem que houvesse remuneração variável por desempenho esportivo. Dada a falta de unanimidade na adesão ao contrato proposto pela Brax, tal iniciativa garantiu a devida remuneração dos clubes que aderiram ao acordo e, consequentemente, contribuíram para o sucesso comercial e de audiência da competição, proporcionando a certeza da valorização maior para 2024.”

Fonte – JC Online

Escolas da rede municipal de ensino de Juazeiro serão premiadas nesta quinta-feira em etapas  estadual e nacional do projeto “MPT na Escola”

Estudantes da rede municipal de ensino de Juazeiro participarão, nesta quinta-feira (1), das cerimônias estadual e nacional de premiação do projeto MPT na Escola, desenvolvido pelo Ministério Público do Trabalho (MPT). A iniciativa aborda o tema “A Escola no Combate ao Trabalho Infantil”, através das categorias, conto, desenho, música e poesia e participam da premiação as escolas municipais 15 de Julho e de Pontal, esta última pela segunda vez consecutiva.

A cerimônia de premiação à nível estadual será realizada pela manhã, na sede da Procuradoria do MPT de Juazeiro, onde os alunos Arthur Leôncio Lôla e Daniel Leôncio Lôla (Escola Municipal de Pontal) e a estudante Raina Taisla Xavier dos Santos (Escola Municipal 15 de Julho) serão premiados, respectivamente, nas categorias música e conto.

Já o momento de premiação nacional será realizado no período da tarde, no auditório da Secretaria de Educação e Juventude (Seduc), onde os irmãos Leôncio Lôla disputarão, pela segunda vez consecutiva na mesma categoria, uma das três posições na etapa nacional.

MPT na Escola

O ‘MPT na Escola’ é uma iniciativa da Coordenadoria Nacional de Combate à Exploração da Criança e do Adolescente (Coordinfância), do Ministério Público do Trabalho (MPT), que visa combater o trabalho infantil e proteger os adolescentes trabalhadores. O projeto é desenvolvido com alunos matriculados do 4º ao 7º ano do Ensino Fundamental, da rede pública municipal de ensino, que produzem contos, músicas, poesias e desenhos com a tema “A Escola no combate ao trabalho infantil”.

 

Brena Souza – Ascom/Seduc/PMJ

Fotógrafo baiano receberá premiação no maior concurso de fotografia da Europa

O fotógrafo baiano Aldo Bernardis, radicado em Petrolina (PE), entrou para o seleto grupo de profissionais a conquistar o prêmio de fotografia mais importante da Europa. Divulgado nesta segunda-feira (06), o resultado final do Siena Drone Awards coloca o trabalho de Bernardis onde nenhum outro brasileiro jamais chegou.

O Siena Drone Awards é o maior concurso da Europa e recebe inscrições de todo o mundo. Inscrito na categoria casamento, o trabalho do fotógrafo baiano recebeu o nome de “The Sea Love”. Segundo Aldo Bernardis, é “uma fotografia com uma composição muito forte, contraste e cores”, que ganhou os jurados do concurso.

A imagem foi feita durante o ensaio de pré-casamento do casal Tárcio e Amanda, realizado na cidade de Aracajú (SE). O fotógrafo participará da cerimônia de entrega do prêmio, que ocorrerá no Teatro dei Rinnovati, em Siena, Itália, no dia primeiro de outubro de 2022.

Estou muito feliz por ser o primeiro brasileiro a ganhar esse prêmio. Primeiro brasileiro, baiano e vindo do sertão. Essa conquista é de muita gente e só tenho a agradecer a todos”, finalizou Aldo Bernardis.

Agrovale conquista um dos prêmios mais importantes do setor bioenergético do Brasil

(Foto: Ascom)

A Agrovale vai receber na noite desta quarta-feira (9), em Ribeirão Preto – SP, o prêmio MasterCana Brasil 2020 na categoria ‘Usina do Ano – Preservação Ambiental – Performance’.

A cerimônia, que será no formato híbrido (presencial + online), acontece às 19h no auditório Dimastec com a presença apenas dos laureados, obedecendo aos protocolos de segurança sanitária decorrentes da Covid-19, e transmissão pelo Youtube do JornalCana.

LEIA MAIS
123