Em plano da Sudene, obra da Transnordestina é essencial para o desenvolvimento do nordeste

A Ferrovia Transnordestina, principal obra de integração dos estados nordestinos, foi destacada como fundamental pelo Plano Regional de Desenvolvimento do Nordeste (PRDNE) da Superintendência do Desenvolvimento do Nordeste (Sudene).

A ferrovia tem como objetivo reestruturar a malha ferroviária e promover a interligação de diferentes modais de transporte na região, ampliando a competitividade e o desenvolvimento socioeconômico.

Em evento realizado na sede da Federação das Indústrias de Pernambuco (Fiepe), o superintendente da Sudene, Danilo Cabral, informou que a construção do trecho entre Eliseu Martins (PI) e o Porto de Pecém (CE) está em andamento, contando com apoio financeiro da Sudene.

LEIA MAIS

No Ceará, Lula diz que Transnordestina será concluída

Depois do Recife, o presidente Lula cumpriu agenda no Ceará, onde visitou as obras da Transnordestina e participou da assinatura da ordem de serviço do Ramal do Salgado. Lula acompanhou o trabalho que vem sendo desenvolvido no lote 3 da ferrovia no município a 365 quilômetros de Fortaleza (CE), onde estão sendo finalizadas as obras de super estrutura, referentes à montagem da linha férrea, no trecho que liga os estados do Piauí e do Ceará.

Lula garantiu que não faltarão recursos para o empreendimento e afirmou que ela é importante não só para gerar emprego e baratear o transporte, mas por que “o Brasil se tornou um país rodoviário” e para ser mais produtivo tem que ter rodovia, ferrovia e hidrovia de qualidade. Sobre os recursos repassados pelo Governo Federal para a Transnordestina, o ministro da Integração e do Desenvolvimento Regional, Waldez Goes, destacou que existe uma “sinergia” das instituições federais para viabilizar a “maior obra de infraestrutura ferroviária do País”.

Ele garantiu, ainda, que o Fundo de Desenvolvimento do Nordeste (FDNE), por meio da Sudene, continuará apoiando a Transnordestina. O Fundo administrado pela Superintendência do Desenvolvimento do Nordeste é o maior financiador da obra, com uma participação inicial estimada em R$ 3,8 bilhões, porém já está em análise um estudo de viabilidade para que seja feito um aporte adicional, contemplando novos orçamento e cronograma de desembolsos. A última liberação do FDNE para a Transnordestina foi efetuada em outubro do ano passado, no valor de R$ 811 milhões.

A ferrovia liga o município Eliseu Martins (PI) ao Complexo Industrial e Portuário do Pecém (CE), sendo considerada a principal obra estruturadora para o desenvolvimento do Nordeste e prioritária para o governo federal, incluída no Novo PAC.

Segundo o diretor de Fundos, Incentivos e Atração de Investimentos da Sudene, Heitor Freire, com extensão de mais de 1.200 KM, passando por 53 municípios no Piauí, Ceará e Pernambuco, ela vai possibilitar o escoamento da produção e a redução do custo logístico”. A ferrovia será responsável pelo transporte de minérios, fertilizantes, grãos e combustível.

O trecho da ferrovia de Salgueiro até o Complexo de Suape, em Pernambuco, também foi assegurado pelo Governo Federal. No Novo PAC, há a previsão de investimento de R$ 450 milhões para a realização de estudos e projetos referentes à linha férrea pernambucana.

A visita de Lula ao estado do Ceará também foi marcada pela assinatura das obras do Ramal do Salgado, incluído no Novo PAC. São 34 Km de extensão, ligando os estados da Paraíba e do Ceará e beneficiando cerca de 5 milhões de pessoas. A obra, que vai viabilizar o transporte das águas do Rio São Francisco desde o Ramal do Apodi (PB) até o leito do Rio Salgado, conta com um investimento global de R$ 600 milhões.

JC Online

Alepe discute ramal Salgueiro-Suape no projeto da Transnordestina

Foto: Divulgação/Alepe

A Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe) realizou, na segunda-feira (8), um debate sobre a Ferrovia Transnordestina. O tema do encontroi foi a construção do traçado completo, incluindo Salgueiro, que atualmente está de fora.

A reunião contou com a presença do secretário de Desenvolvimento Econômico de Pernambuco, Guilherme Cavalcanti e foi convocada pela Frente Parlamentar em Defesa da Transnordestina.

LEIA MAIS

Governo Lula apresenta projeto excluindo Pernambuco da Transnordestina

Na última terça-feira (7), o ministro da Integração e do Desenvolvimento Regional, Waldez Góes, discutiu com os governadores de Pernambuco, Raquel Lyra (PSDB); do Ceará, Elmano da Costa e do Piauí, Rafael Fonteles; o avanço na construção da Transnordestina. Durante a reunião, o ministro apresentou a mesma proposta deixada pelo governo Bolsonaro, tirando Pernambuco do projeto.

Pelo projeto original, a ferrovia teria 1.753 quilômetros de extensão, ligando o município de Eliseu Martins, no interior do Piauí, aos portos de Pecém, no Ceará, e de Suape (PE). Com o novo traçado, a ferrovia ficará com 1.206 km, ligando o Piauí ao Ceará e apenas passando por Salgueiro (PE).

LEIA MAIS

Gonzaga Patriota fala em trazer a Ferrovia Transnordestina para Petrolina escoar frutas para grandes portos

Deputado Federal Gonzaga Patriota (PSB).

O deputado federal Gonzaga Patriota (PSB), durante discurso na tribuna da Câmara dos Deputados, nessa quarta-feira (3), citou Petrolina (PE), lembrando da 54ª Festa do Colono do perímetro irrigado de Bebedouro e da importância da Ferrovia Transnordestina para o escoamento dos produtos produzidos pelos agricultores dessa região para grandes centros de distribuição.

Em sua fala, o deputado se comprometeu com os colonos e fruticultores de Petrolina e de toda a região a trazer “a Ferrovia Transnordestina e levar esses produtos de trem de Petrolina para Salvador, para Pecém, no Ceará, para Suape, em Pernambuco, além do minério do Araripe“.

Vale lembrar que o socialista pernambucano é autor do Projeto de Lei nº 1125/1988, que transformou-se na lei nº 9.060/1995, popularmente conhecida como Ferrovia Transnordestina.

Antonio Moraes (PP) será o relator da PEC que tenta viabilizar o ramal da transnordestina para Suape

A informação de que Antonio Moraes será o relator da PEC que tenta viabilizar o ramal da transnordestina para Suape foi publicada na manhã desta segunda-feira (16) pelo Blog Edmar Lyra.

A proposta de emenda a constituição tem o objetivo de contribuir para a viabilização da conclusão do Ramal Suape da Ferrovia Transnordestina, o governador Paulo Câmara (PSB) enviou uma Proposta de Emenda à Constituição (PEC) Estadual que concede ao Estado competência para explorar a infraestrutura e os serviços de transporte ferroviário no território pernambucano. De acordo com o Executivo, em entrevista ao Blog Edmar Lyra, a aprovação da proposição “permitirá ampliar a competitividade logística de Pernambuco, com um modal mais econômico e sustentável ambientalmente, resultando em maiores oportunidades de emprego e renda para os pernambucanos”.

A construção e exploração da Ferrovia Transnordestina é uma concessão do governo federal a um grupo investidor privado. A obra, iniciada em 2006, prevê a ligação ferroviária entre municípios do interior do Piauí, produtores de minério de ferro e soja, com os portos de Pecém, no Ceará, e Suape, em Pernambuco.

Duplicação da Transnordestina e Orla 3 de Petrolina devem ficar prontas em 3 meses

(Foto: Jonas Santos/PMP)

O prefeito Miguel Coelho e o superintendente da Codevasf, Aurivalter Cordeiro, anunciaram, nesta quinta (25), que as obras de duplicação da avenida Transnordestina e a construção da Orla 3, devem durar no máximo 3 meses, após o processo de licitação dos seviços.

A duplicação da Transnordestina é uma das principais ações do programa de governo para melhorar o fluxo do trânsito em Petrolina. O corredor já recebeu a implantação de iluminação em LED, que propiciou a redução de acidentes e melhorou a segurança ao longo da pista.

LEIA MAIS

Prefeitura de Petrolina realiza recuperação da rodovia Transnordestina

(Foto: Ascom/PMP)

Mesmo sem ser responsabilidade do município, a prefeitura de Petrolina assumiu a recuperação da rodovia Transnordestina com a Operação “Tapa-buracos”.

A via que é de responsabilidade do Estado, estava com várias fissuras na extensão do trecho urbano. A Secretaria de Infraestrutura e Mobilidade (Seinfra), se antecipou, antes que ocorresse algum acidente grave e fez o reparo paliativo da via.

“Para nós e, principalmente, para o prefeito Miguel Coelho, a vida vem em primeiro lugar. Estamos cansados de esperar que o Estado assuma suas responsabilidades com Petrolina. Infelizmente, ainda temos que nos meter onde não é de nossa responsabilidade para proteger os petrolinenses”, enfatiza o secretário executivo de Serviços Públicos, Alisson Oliveira.

Petrolina: Caminhoneiro é detido por direção perigosa e embriaguez ao volante

(Ascom 5º BPM/PMPE)

A prisão aconteceu na tarde desta quarta-feira (24). Depois de uma denúncia anônima de que um caminhão trafegava na BR-428 praticando direção perigosa, policiais militares do 5º BPM, que estavam realizando a Operação Sentinela no acesso ao Residencial Vivendas, em Petrolina, fizeram o deslocamento em busca do referido motorista.

O caminhão foi localizado pelas viaturas do 5°BPM e do 2°BIESP na Avenida Transnordestina. Ao ser detido, o motorista foi identificado por uma testemunha como causador de um acidente próximo a garagem da empresa de ônibus Progresso por volta das 16h30 do mesmo dia.

O motorista, que segundo a polícia, estava sob efeito de álcool e o caminhão foram encaminhados a delegacia da Polícia Civil para adoção das medidas legais cabíveis.

Gonzaga Patriota critica possibilidade de retirada de trecho da Transnordestina em Pernambuco

O deputado Gonzaga Patriota (PSB), durante discurso na Tribuna da Câmara Nacional, não se mostrou satisfeito com a possibilidade de exclusão do trecho pernambucano da Ferrovia Transnordestina. Autor do Projeto de Lei, o parlamentar afirmou que a obra é de suma importância para economia do Nordeste.

Recentemente, o ministro da Infraestrutura, Tarcísio de Freitas, disse que poderia excluir da concessão original da Ferrovia Transnordestina o trecho que corta Pernambuco. No projeto, o empreendimento ligaria o Sertão ao Litoral, começando na cidade de Eliseu Martins, no Sul do Piauí, seguindo até Salgueiro, Sertão do Estado.

LEIA MAIS

Uma pessoa morre e duas ficam feridas em acidente na Av. Transnordestina, em Petrolina

Duas motos se envolveram nos acidentes.

Na noite desse domingo (06), um grave acidente envolvendo duas motos terminou com uma pessoa morta e outras duas feridas. A colisão aconteceu na Av. Transnordestina, entre o Dom Avelar e a BR-428, em Petrolina (PE).

De acordo com informações, os veículos se chocaram de frente. Um dos pilotos não resistiu aos ferimentos e veio a óbito no local. Uma mulher que estava na garupa com a vítima teve ferimentos expostos na perna.

O condutor do outro veículo era um mototaxista que teve ferimentos graves. Em breve mais informações sobre o acidente

Após atrasos na transnordestina, Fernando defende rescisão de contrato com concessionária

Audiência Pública sobre Transnordestina.

O senador Fernando Bezerra Coelho (MDB-PE) participou, nesta terça-feira (04), no Senado, de uma audiência pública que discutiu os sucessivos atrasos nas obras da Ferrovia Transnordestina, iniciada há dez anos.

Durante o debate, o senador reforçou a defesa dele pela rescisão do contrato com a atual concessionária e que a Transnordestina seja tratada como uma obra pública federal.

“Não dá para aceitar uma lógica empresarial, um cronograma, que prejudique os interesses de Pernambuco e do Nordeste. Serei um intransigente defender da caducidade deste contrato”, ressaltou.

Segundo a coordenadora de Análise de Projetos de Investimentos da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), Lorena Duarte, o órgão instaurou processo administrativo sobre os atrasos na obra. Um primeiro prazo repactuado com a concessionária venceu no último mês de outubro.

LEIA MAIS

Petrolina: nova rodoviária será implantada próximo ao Pedra Linda

(Foto: Blog Waldiney Passos)

O prefeito Miguel Coelho garantiu, durante transmissão ao vivo em suas redes sociais, nessa quarta-feira (12), que a nova rodoviária de Petrolina será implantada no bairro Pedra Linda, junto da Avenida Perimetral/Transnordestina, até o final do seu mandato.

Com a mudança de local, a nova rodoviária, que fará parte do projeto ‘Parque do Povo’, deve ficar mais centralizada, evitando que os ônibus tenham que entrar dentro da cidade e comprometam o trânsito.

“A gente assumiu o compromisso de tirar a rodoviária de onde está, inclusive, um dos projetos nosso é o ‘Parque do Povo’, que está belíssimo, e vamos fazer sem dúvida. Até o final do nosso mandato a gente entrega esse importante equipamento”, garantiu.

Miguel afirmou ainda que será realizado um trabalho de sinalização, de recuperação, de revitalização da perimetral e de iluminação para dar mais segurança.

Petrolina: avenida Transnordestina recebe pintura de sinalização de trânsito

(Foto: ASCOM)

Alvo de críticas pela grande quantidade de acidentes que acontecem e pela a falta de sinalização horizontal, a avenida Perimetral/Transnordestina, em Petrolina (PE), começa a receber revitalização da sinalização vertical e horizontal.

Equipes da Autarquia Municipal de Mobilidade (Ammpla) iniciaram, na última quinta-feira (10), os serviços de pintura e colocação das placas.

Os trabalhos serão realizados da rotatória do Posto Asa Branca até a rotatória do bairro Pedra Linda. A iniciativa busca dar maior segurança a pedestres e condutores.

Sendo uma das vias mais movimentadas de Petrolina, a via não será fechada, sendo que enquanto são realizados os serviços, parte da pista estará aberta para que o trânsito não seja interrompido totalmente.

A Avenida Transnordestina é um dos principais eixos viários da cidade, sendo um corredor importante de entrada e saída para diversos bairros. A expectativa é de que o serviço seja concluído nesta sexta-feira (19).

“Esse já é um pedido antigo da população, pois a avenida Transnordestina é um trecho conhecido pela incidência de acidentes de trânsito. Essa ação da Prefeitura de Petrolina vai possibilitar a circulação de pedestres e veículos com segurança, diminuindo assim, o número de acidentes no local”, disse Geraldo Miranda, diretor-presidente da Ammpla.

12